Posts com Tag ‘Brasil’

#004 – Links & Dicas

Publicado: 23/03/2011 por Robert Lucas em Dicas, links&dicas
Tags:, , , , , , , ,

1- Se você trabalha com o twitter ou necessita divulgar algo através dele, veja aqui um infográfico sobre o melhor horário para se divulgar algo nesta ferramenta.
Qual o melhor horário para tuitar?

http://info.abril.com.br/noticias/blogs/omg/2011/03/22/qual-o-melhor-horario-para-tuitar/

2- Tem razão de vermos os americanos sempre com as atualidades em mãos, o que aqui custamos a comprar, lá compram sem pensar, ganham bem, assim gastam mais, mas isto não é um previlégio do Brasil apenas, temos outros países no mesmo caminho.
DVD pirata no Brasil custa o preço de um original nos EUA

http://www.dicasemgeral.xpg.com.br/geral/materias/13605/dvd-pirata-no-brasil-custa-o-preco-de-um-original-nos-eua/#utm_source=rss&utm_medium=rss&utm_campaign=dvd-pirata-no-brasil-custa-o-preco-de-um-original-nos-eua

3- Trabalha com Linux em servidores? Aqui está uma dica bacana para fazer o seu servidor render um pouco mais.
Limitando recursos no Linux com o PAM

http://imasters.com.br/artigo/20200/linux/limitando-recursos-no-linux-com-pam

4- Tem dificuldade em escrever algo, ou de começar a escrever, aqui tem dicas valiosas para ajudar a soltar o seu freio de mão.
Escrever artigos e textos: como começar

http://www.efetividade.net/2007/06/05/como-escrever/

5- Trabalha com TI? Se identifica com algo? (Não fale pra ninguém, mas eu sim) 😛
A difícil arte da tolerância

http://tecnoblog.net/60030/bia-kunze-a-dificil-arte-da-tolerancia-ou-os-saraivas-da-ti/

6- Internet da VIVO por 33 centavos o dia, isso é bom demais né? Pra quem gosta de se manter conectado o dia todo, como eu. 🙂
Internet pré-paga da Vivo custa 33 centavos por dia

http://tecnoblog.net/60155/internet-pre-paga-da-vivo-custa-33-centavos-por-dia/

Anúncios

O Projeto Fedora tem o prazer de anunciar que já está no ar a primeira edição da Revista Fedora Brasil, uma revista digital feita para a comunidade Fedora brasileira.

A primeira edição traz uma entrevista com Rodrigo Padula, o brasileiro que integra a diretoria dos embaixadores Fedora, um tutorial completo sobre a internet móvel Claro 3G no seu Fedora, uma olhada técnica na nova ferramenta system-config-firewall, as primeiras aulas de Shell Script e empacotamento RPM além de muito mais.

Faça o Download da Primeira Edição clicando abaixo
Download

Visite o site do projeto: http://projetofedora.org

É de conhecimento de todo profissional Linux que temos centenas de distribuições Linux espalhadas pelo mundo, mas são poucas as que ganham seu lugar ao sol. Aqui no Brasil pouquíssimas tiveram seu reconhecimento, onde podemos citar 2 que realmente ficarão e estão na memória de quem acompanha o crescimento do Linux que foi a Conectiva (hoje Mandriva) e o Kurumin, estas 2 foram as que mais tiveram sucesso com o público brasileiro.
Neste post “falarei” brevemente sobre 23 distribuições da nossa Terra Mãe Gentil… Mãos na massa… ;]

  • DreamLinux

Dreamlinux é um moderno sistema Linux que pode ser executado diretamente a partir do CD e opcionalmente ser facilmente instalado no seu HD.
Dreamlinux vem com uma seleção dos melhores aplicativos desenhados para satisfazer grande parte das suas necessidades diárias.
Dreamlinux é baseado no Debian e Morphix, o que significa que leva vantagens das suas melhores características e acrescenta suas próprias ferramentas de desenvolvimento.
Sendo um sistema modular Dreamlinux permite-lhe adicionar novos módulos compreendendo suas aplicações preferenciais e construir uma nova Distro que atendam às suas necessidades, através de sua revolucionária ferramenta MKDistro.
Site: www.dreamlinux.com.br

  • Kalango

Kalango é uma distribuição GNU/Linux nacional baseada no Debian desenvolvida por voluntários. O Kalango é um Live-CD, ou seja, o sistema roda inteiramente do CD sem necessidade de instalação, apesar disso pode perfeitamente ser instalado no HD, como qualquer distribuição tradicional.
O sistema conta com um grande acervo de programas para atender as necessidades dos desktops de qualquer meio, seja ele residencial, corporativo ou governamental.
Ao dar boot com o CD, ele reconhece automaticamente todo o hardware do computador e o configura automaticamente, não importa qual a configuração, se os componentes forem compatíveis com o GNU/Linux o sistema o reconhecerá e se encarregará de deixa-lo funcionando sem exatamente nenhuma intervenção do usuário. Além disso caso esteja conectado em uma rede com um servidor DHCP, após o carregamento do sistema já poderá navegar na internet sem nenhuma configuração adicional.
O foco é sempre a facilidade de uso, para isso simplificamos ao máximo a distribuição de modo que um usuário inexperiente possa realizar tarefas do dia-a-dia como: navegar na internet, receber e-mail, bater papo, escutar músicas, ver vídeos e muito mais. Os programas são fáceis de achar devido a organização e padronização dos menus.
O ambiente padrão é o KDE (K Desktop Environment), que é um completo desktop, acompanha um painel de controle com muitas opções de personalização e configuração, apelo visual e um conjunto de programas que juntos formam uma solução completa para os desktops em geral.
Site: http://kalangolinux.org/site/

  • Kurumin

O Kurumin é a distribuição Linux desenvolvida pela equipe do Guia do Hardware e colaboradores, que se tornou rapidamente uma das distribuições Linux mais usadas no país. Todos os componentes do sistema são abertos, permitindo que além de usar, você possa redistribuí-lo, ver e modificar os scripts de configuração e desenvolver versões modificadas do sistema.
Site: http://www.guiadohardware.net/gdhpress/kurumin/

 

  • Big Linux

O Big Linux é uma solução completa em informática com foco principal no uso em Desktops, unindo praticidade, segurança, estabilidade e beleza.
Com a versão 3.0 foi atingido um novo patamar em qualidade e usabilidade, tornando muito simples o uso do sistema por pessoas que nunca utilizaram um sistema Linux ou mesmo que estão iniciando o contato com computadores.
Site: http://www.biglinux.com.br/html/

  • FeniX

 

Sistema baseado na plataforma debian testing com interface KDE 3.5.5, Amsn 0.96, Beryl AIXGL, OpenOffice 2.1, Firefox, Thunderbird, + 26 softwares do projeto computador para todos do Governo Federal.
O novo FeniX é o que podemos chamar de Revolucionário, pois com seu sistema inteligente de detecção de hardware, ao detectar aceleração em placas de vídeo (mesmo onboard) o Beryl AIXGL é ativado automaticamente, transformando seu sistema numa máquina em 3D com telas que ao fecharem pegão fogo e muito mais.
Somos hoje o único linux no mundo que suporta a utilização de controles remoto para placa de TV do modelo MSI TV@nywhere Plus, e também o linux que possui a maior quantidade de hardwares homologados do planeta, incluindo as impressoras Canon IP 1200 e 1300.
Site: http://www.sistemafenix.com.br/

  • Litrix

Litrix Linux é um distribuição Linux em formato live CD que pode ser instalada também como sistema operacional Desktop em computadores x86. Com o Litrix é possível ter o melhor desempenho para seu desktop e a facilidade que você deseja. Baseado no sistema Gentoo você pode instalar uma grande base de aplicativos via internet, manter seu sistema atualizado.
O Litrix pode ser levado para qualquer lugar e usado sem necessitar de instalação no disco rígido, os aplicativos que acompanham a distribuição permitem você executar as mais diversas tarefas como navegar na web com segurança e ler seus e-mail.
Site: http://www.litrixlinux.org/

  • Dual O/S

Dual O/S é um sistema operacional completo e amigável. Feito para ser instalado em equipamentos novos, ou antigos que necessitem de atualização ou estejam sem licença de sistema operacional. Em caso de dúvida basta acionar o suporte técnico, de segunda a sexta-feira, das 9 às 18 horas, por e-mail, MSN ou telefone e resolver na hora a sua dúvida. O Dual O/S é acompanhado ainda da Dual Training Alive (DTA), ferramenta que permite visualizar e executar de forma simples e tutoriada qualquer passo necessário para o uso do sistema e de suas aplicações. Além disso, todos os softwares são atualizados automaticamente por 12 meses, garantindo a segurança e o melhor funcionamento do seu PC.
Site: http://www.dual-softwares.com/dual_os.htm

  • Mandriva Conectiva

A Mandriva Conectiva é a operação brasileira da Mandriva, desenvolvedora e distribuidora do sistema operacional Mandriva Linux, resultado da fusão ocorrida em fevereiro de 2005 entre a Mandrakesoft, uma das principais distribuições Linux da Europa, com atuação mundial em mais de 120 países, e a Conectiva, pioneira na distribuição Linux e código aberto em português, espanhol e inglês para toda a América Latina.
A Mandriva possui escritórios nos Estados Unidos, França e Brasil, tem mais de 8 milhões de usuários e uma carteira de 170 grandes clientes corporativos, além de contar com 130 funcionários.
Site: http://www.conectiva.com.br/

  • Muriqui

Iniciado com um propósito interno, o projeto Muriqui Linux tinha como principal objetivo atender às necessidades dos laboratórios de ensino dos campi Doctum, por isso seu principal foco é o ambiente educacional e a inclusão digital, áreas onde se concentram a grande parte dos projetos desenvolvidos pela DoctumTec.
A nova versão do sistema operacional Muriqui Linux, a 1.4, teve seu completo desenvolvimento respaldado pela tarefa de suprir as expectativas de seus usuários e dar continuidade ao papel importante de agregar mais valor ao crescimento da tecnologia livre brasileira.
Muriqui Linux 1.4 se destaca por ser ainda mais completo, seguro, funcional, além de integrar novidades e mais modernidade, oferecendo ao público um sistema que atenda aos seus anseios e expectativas, propiciando facilidades e tranqüilidade ao usuário. São mais de 70 aplicativos, reconhecimento automático de mídia removível. (disquetes, CD’s, USB); supermount, o que facilita consideravelmente na montagem de dispositivos; sistema de ajuda completo e em português, através da Central de Ajuda Muriqui Linux; Aulas multimídia para lhe auxiliar no conhecimento da plataforma Linux e conteúdo didático específico para se aprofundar na usabilidade de aplicativos importantes e os mais usados no dia a dia, dentre tantas outras vantagens.
Ao longo destes dois anos, o projeto Muriqui tem se consolidado em todo o País. A preocupação peculiar em atender satisfatoriamente ao usuário final rendeu elogios, comentários positivos e parcerias engrandecedoras para o projeto do Software Livre.
Site: http://www.muriquilinux.com.br

  • ProLinux

Versátil, completo, moderno e fácil, este é o seu sistema operacional ProLinux, desenvolvido pela equipe especializada da Flux Softwares. São mais de 100 aplicativos, milhares de ferramentas e funcionalidades que tornam a distribuição uma das mais completas da plataforma Linux.
Dentre seus inúmeros diferenciais, destaque para a estabilidade do sistema baseado no Debian Etch 4.0; aplicativos selecionados e devidamente testados e traduzidos; suporte ao usuário garantido, através da Central de Suporte Flux Softwares, seu contato direto com os desenvolvedores da distribuição; conjunto completo de aulas multimídia, o seu curso de usabilidade ProLinux de forma interativa e prazerosa.
O sistema ProLinux foi desenvolvido tendo como objetivo atender as necessidades do usuário final, tanto doméstico quanto corporativo. Experimente você também todos os benefícios do ProLinux!

Site: http://www.fluxsoftwares.com/2007/index2.php?op=produtos

  • Resulinux

O Resulinux tem o maior desempenho do mundo em ambiente kde, ele foi projetado com o exclusivo balançeador de prioridades Texas Flood.
O Texas Flood é capaz de aproveitar de forma mais eficiente seus componentes de hardware, priorizando as tarefas da interface em relação as demais.
O Texas Flood permite que o KDE tenha alto-desempenho, sem abrir mão de nenhum recurso.
Pronto para os iniciantes, poderoso para os avançados:
O Resulinux inclui ferramentas fáceis de usar, projetadas especialmente para os iniciantes, como clientes de msn, navegadores web, ferramentas de escritório e suporte a MP3, MPEG, DIVX e DVDS.
Ele também foi preparado para os usuários avançados, que com um simples toque na tecla F12, podem ter acesso a um terminal poderoso e prático que permite administrar todos os recursos do sistema.
Site: http://linuxhard.org/?page_id=3

  • Librix

Librix é a distribuição Linux nacional desenvolvida pela Itautec com os diferenciais fundamentais para a implementação segura do software em sua empresa. É o único sistema que oferece o conjunto de hardware e software e atende a todas as exigências de qualidade, manutenção, melhorias contínuas e suporte técnico. São os melhores e mais estáveis pacotes do mercado, selecionados, testados e homologados pela Itautec que
disponibiliza um instalador com interface simples e um ambiente de configuração amigável. Com o sistema Librix, seu negócio terá a liberdade, confiabilidade e dinamismo do software livre com a qualidade, segurança e serviço de uma empresa com excelência em tecnologia.

Site: http://www.itautec.com.br/

  • Ekaaty

O projeto Ekaaty é um sistema operacional livre, seguro e amigável baseado no Linux. O Projeto Ekaaty enfoca o uso em desktops, provendo uma versão mais leve do sistema, que consome menos espaço em disco e menos recursos da máquina.
Ele é lançado sob a GPL, ou ‘General Public License’, que o classifica sob a categoria de Software de Código Aberto (OSS), melhor conhecido como Software Livre. Dessa maneira os usuários podem ter liberdade de modificar e redistribuir o software com seu código-fonte e uma cópia da licença, possibilitando a uma comunidade internacional de desenvolvedores a oportunidade de melhorar e inovar o sistema operacional.
O Ekaaty é um atrativo para estudantes, pequenas empresas e entusiastas de Linux. Ele vem com o KDE, a mais completa e estável plataforma desktop para Unix, com o Projeto BrOffice.Org, que é uma das mais completas suítes multiplataforma para escritório e que suporta os formatos do Microsoft Office e o OpenDocument e com a suíte groupware Kontact, que apresenta assistentes para filtros antivírus e anti-spam..
Site: http://www.ekaaty.com.br/wiki/

 

  • Tupiserver

Desenvolvido por André P. Ribas, o TupiServer é uma distribuição Linux voltada para servidores, preparado apenas com programas e manuais necessários em um servidor, além das facilidades de instalação e configurações dos principais serviços necessários para sua rede.
Baseada nos pacotes Debian/Sarge e scripts do Knoppix e Debian, ele mantém o mesmo sistema de detecção de hardware e atualização de pacotes (Apt-get).
Site:
http://www.tupiserver.com.br/

  • Famelix

Famelix GNU/Linux é uma distribuição criada com a finalidade de oferecer um ambiente similar ao Windows XP (“Linux com cara de XP”), de tal maneira que facilite a migração de usuários do sistema operacional proprietário a um sistema livre, e que se possa aproveitar os conhecimentos já adquiridos pelos usuários.
As versões até a 2.0 utilizam elementos presentes em outras distribuições como Debian, Knoppix e Kurumin.
Já a versão 2.1, utiliza em seu todo apenas a base do Sistema Operacional Debian GNU/Linux. Uma novidade implementada pelo GDU, com sistemas de pacotes do Famelix, onde será possível atualizar sua distribuição sem a necessidade de reinstalar todo o sistema a cada lançamento de novas versões.
Site: http://www.famelix.com.br/

  • Poseidon Linux

Poseidon Linux é uma distribuição Linux brasileira, desenvolvida para uso científico.
Trata-se de uma distribuição Linux totalmente composta por Software Livre (SL), baseada no Kurumin Linux, e influenciada pelo Quantian Linux. O Poseidon é e sempre será livre e gratuito.
Outro detalhe importante é que todos os programas podem funcionar a partir do CD (“bootável“), já que o Poseidon possui tecnologias que permitem isso, sendo possí­vel utilizar todos os programas sem instalar absolutamente nada. Existe também a opção (recomendável) de instalar no computador se o usuário assim desejar. Na instalação, podem ser criadas várias partições no disco rígido do computador e instalar o Poseidon Linux em uma delas, separado do(s) outro(s) sistema(s) operacional/ais que o usuário tenha ou queira ter no seu computador. Um administrador de arrancada (boot manager) permitirá escolher em qual sistema o usuário deseja trabalhar em cada seção.
Site: http://poseidon.furg.br/

 

  • Dizinha

A Dizinha Linux é uma das primeiras distribuições Linux baseadas no Kurumin Linux. Criada por “Lame_Duck”, esta distribuição tem como atrativo a possibilidade de rodar em máquinas antigas, com processadores como Pentium 100 e até 16 MB de RAM. Possui gerenciadores de janelas simples, e aplicativos leves para os usuários que possuem PCs sem muito poder de processamento. Utilizando ferramentas do próprio Debian, a Dizinha Linux é de tão fácil utilização quanto outras distribuições baseadas em Debian.
Site: http://pt.wikipedia.org/wiki/Dizinha_Linux

  • GoblinX

GoblinX completo possa ser executado sem instalação no é uma distribuição Linux baseada em Slackware Linux. É um live CD, propiciando que um sistema operacionaldisco rígido. Segundo o seu website, ela é voltada para o usuário interessado em utilitários e aplicativos de grande qualidade, bem como para aquele que se interessa em um ambiente de trabalho o mais belo e prático quanto possível.
Site: http://www.goblinx.com.br/

  • Gobolinux

GoboLinux é uma distribuição alternativa, que redefine toda a hierarquia do sistema de arquivos. O principal enfoque desta hierarquia alternativa é armazenar todos os arquivos pertencentes a uma aplicação em sua própria árvore de diretórios com caminhos como /Programs/GCC/2.95.3/lib. Para possibilitar que o sistema encontre esses arquivos, eles são agrupados de forma sistemática em diretórios como System/Links/Executables, que contém os links para todos os arquivos executáveis dentro da hierarquia dos programas. Este modelo contrasta com a estrutura tradicional dos sistemas Unix, que contém caminhos como /usr e /etc, mas existem links para garantir a compatibilidade do sistema com a estrutura tradicional.
Site: http://gobolinux.org/

  • Libertas

O Libertas é um projeto mantido atualmente pela Prodabel, empresa de processamento de dados do município de Belo Horizonte. Inicialmente desenvolvido como uma distribuição, a proposta evoluiu para algo mais amplo e, ao mesmo tempo, mais simples de se manter.
Hoje a proposta do Projeto Libertas é utilizar a distribuição Debian GNU/Linux, com a manutenção de um repositório próprio e restrito e a criação de meta-pacotes para auxiliar em sua instalação. Dessa forma, mantém-se uma distribuição compatível com os padrões da comunidade, ao mesmo tempo que se tem um controle sobre o que está instalado nas máquinas.
Site: http://libertas.pbh.gov.br/

  • Satux

Satux Linux é uma distribuição 100% brasileira baseada no sistema operacional Linux. Foi e é desenvolvido primariamente pelo Instituto de Tecnologia JRSC (iTJRSC), instituição de pesquisa e desenvolvimento com sedes em Manaus e São Paulo.
O Satux Linux tem como filosofia a praticidade no uso, intensificando a experiência do usuário em interface e usabilidade, aproximando-se (ou até mesmo superando) da simplicidade de uso dos sistemas operacionais Microsoft Windows.
O Satux Linux pode ser baixado pela Internet, através do site http://www.satux.org.br/, e, ainda, pode ser adquirido na compra de computadores CCE Info, Bluesky, Nextera e Acteon Digital.
Site: http://www.satux.org.br/

  • Tutoo

O Tutoo-Linux é uma distribuição brasileira do Linux baseada no Gentoo e em desenvolvimento pelo Laboratório de Administração de Sistemas e Segurança do Instituto de Computação (LAS-IC) da Unicamp. O projeto do Tutoo se dá através de uma parceria entre o LAS-IC e a Itautec, fabricante brasileira de hardware, que patrocina o projeto e distribui o sistema com o nome de Librix, na maior parte das vezes pré-instalado em seus modelos ‘low-end’, destinados a usuários que não necessitam de máquinas muito potentes e modelos incluídos no programa do governo federal, Computador para Todos. O Librix recebe apenas mudanças de ícones e papéis de parede personalizados da Itautec.
Apesar disso a intenção da equipe de desenvolvedores é a de facilitar usuários menos experientes a realizar uma instalação segura e funcional e, ao mesmo tempo, ser flexível o suficiente para que usuários mais experientes não se sintam limitados.
Site: http://www.tutoo.org.br/

  • Mothux

O Mothux é uma distribuição linux baseada no Kurumin Linux, e tem foco na facilidade de uso, e pode ser baixada gratuitamente.
Site: http://www.mothux.xmb.com.br/

Um assunto bem polêmico e corrente no mundo é a Inclusão Digital, assunto que irei adotar neste post.

Tive a oportunidade de trabalhar como professor de Inclusão Digital no Consórcio Social da Juventude, um projeto da Universidade Federal de São João Del Rei e o Ministério do Trabalho e Emprego, juntamente com prefeituras de 30 cidades da região das Vertentes aqui em Minas Gerais. Quando fui selecionado para integrar a equipe deste projeto estava ainda um pouco assustado, devido a grandiosidade e tamanha responsabilidade que angariaria ao dar apoio à ele. Até aquele momento não sabia direito o que realmente era Inclusão Digital, eu era um profissional de informática, já havia ouvido falar, mas nunca havia pesquisado a fundo, pra mim Inclusão Digital seria o mesmo que dar aulas de informática, quando com um pouco de pesquisa descobri que era muito mais que isto, era muito mais que apenas ensinar as pessoas a usar os programas do computador, eu deveria realmente fazer com que aquelas pessoas aprendessem a tirar proveito da máquina que tinham em suas mãos, para com ela ganhar a vida ou pelo menos ajuda-las nas tarefas diárias em casa ou no trabalho.

Após minha empreitada como professor de Inclusão Digital comecei a interessar mais pelo assunto, acompanhando as atividades sociais e governamentais em torno deste assunto, onde pude acompanhar muitos avanços e alguns retrocessos na tentativa de Incluir Digitalmente um país como nosso amado Brasil.

Podemos acompanhar os esforços do governo na tentativa de Incluir Digitalmente o maior número possível de brasileiros, para isto baixou impostos e vem facilitando as formas de aquisição de produtos de informática para toda a população. Mas, isto é Inclusão Digital? NÃO. Não é, e nunca será Inclusão Digital. De que adianta dar panelas e comida pra alguém que não sabe cozinhar? Pois é, é assim que ficam aqueles que se deparam com os atuais incentivos do Governo Federal. Porque digo isto, é simples, o Governo optou por utilizar softwares livres nos computadores (Linux e afins), mas esqueceu-se de capacitar pessoas para que pudessem auxiliar os “novos incluídos”. O Governo simplesmente optou por mudar a base tecnológica da suas investidas em ID para Linux, esquecendo-se de toda cultura pró-Windows que estava fixada no mundo, assim quando os novos proprietários dos computadores incentivados pelo governos ligam suas novas aquisições logo dizem, “Ué, cadê o botãozinho verde aqui de baixo”, “que Windows é este?”, “que Windows ruim”. O Brasil está encaminhando pró-software livre, mas de uma forma não muito interessante, pois estão impondo o uso de Linux, sem que as pessoas estejam preparadas para ele, quando digo preparadas me refiro a pelo menos terem um conhecimento subjetivo sobre o que é Linux.

Muitas pessoas acham que o Linux é um programa do Windows . E o que fazer para mudar isto? Instruir. Informar. Incentivar. Jamais impor.

Mas a Inclusão Digital só é feita por meio do Linux e software livre? Não, o sistema operacional ou aplicativos usados para ID tem uma relevância menor que o de poder instruir as pessoas a usarem aquele computador para beneficiar e agilizar seus processos do dia-a-dia. O Linux foi adotado pelo governo brasileiro principalmente por seu custo “zero”, assim possibilitando baixar o valor dos computadores oferecidos no varejo. Mas em muitos países mundo a fora o Windows foi a opção escolhida. Aqui no Brasil a Microsoft tentou combater o Linux, oferecendo seu sistema por valores mais baixos, mas não foi o suficiente para convencer o governo.

A Inclusão Digital no Brasil caminha a passos largos, porém por caminhos tortuosos. Mas todos sabemos que no Brasil nada consegue iniciar da forma como deve ser, sempre temos que dar o bom e velho jeitinho brasileiro nas coisas, até mesmo em projetos governamentais.

Para que dê realmente certo a Inclusão Digital no Brasil devemos primeiro estabelecer uma distribuição padrão para todas as atividades que envolvam o projeto (os projetos) (o que não vemos hoje em dia, cada fabricante solta uma distribuição e muita das vezes muito desatualizada). Após a escolha da distribuição, manter uma equipe a fim de atualizar a mesma (o que se não me engano começou a ser feito com o Linux Educacional), posteriormente selecionar melhor o conteúdo do sistema, pois vejo hoje em dia (nas escolas onde ofereço apoio profissional) que há softwares educacionais fornecidos pelo governo que não conseguem ser abertos pelos computadores. Porque? Simples, por falta de compatibilidade de “codecs”. A poucos dias fui chamado em uma escola para poder observar o porque dos computadores não rodarem um CD com jogos educacionais, fornecidos junto aos PCs. Em 1 minuto de frente ao computador obtive a resposta. Falta do “Flash”. Um jogo totalmente em Flash, e os computadores não suportavam o arquivo. Fácil solução, instalei o GNash no servidor e pronto. Agora, custava adicionarem este pacote junto a distro? Não né. Por isto acho que deveriam escolher melhor os softwares a serem instalados junto aos computadores e o principal, atualizá-los.

Em uma pausa no processo de escrever este post fui ler as notícias de hoje (21.11) e me deparei com a seguinte “MEC pretende aparelhar os laboratórios de informática de 9.000 escolas” dada pelo BR-Linux. O MEC pretende aparelhar estes laboratórios afim de transforma-los também em telecentros para a população dos arredores, assim ampliando ainda mais o alcance da Inclusão Digital à população. Mais um ótimo incentivo do governo em prol da I.D., e da população, mas lembremos dos “toques” que dei aqui anteriormente, sem eles, pouco adiantará tamanho investimento.

Torço muito para que todos os esforços direcionados à Inclusão Digital no Brasil tenham efeitos significativos e positivos, não somente torço, mas também direciono esforços para que isto aconteça, eu faço acontecer e você? Pense sobre isto, qualquer ajuda é bem vinda.

Abraços.