Arquivo da categoria ‘Uncategorized’

26 anos de criação do 1º vírus – 10/11/2009

Publicado: 11/11/2009 por Robert Lucas em Uncategorized

No dia 10 de novembro de 1983, o então estudante de ciência da computação Fred Cohen, da Universidade do Sul da Califórnia, desenvolvia o primeiro programa malicioso com capacidade de auto-replicação. Em uma experimento em sala de aula, Cohen demonstrou que não existia um algoritmo capaz de detectar todas as infecções em um computador, o que ele provaria em uma tese publicada quatro anos depois.

Cinco minutos depois de Cohen colocar sua prova em um PC, o vírus já havia tomado conta do sistema.
(fonte: blog.estadao.com.br )

Em 1983, Len Eidelmen demonstrou em um seminário sobre segurança computacional, um programa auto-replicante em um sistema VAX11/750. Este conseguia instalar-se em vários locais do sistema. Um ano depois, na 7th Annual Information Security Conference, o termo vírus de computador foi definido como um programa que infecta outros programas, modificando-os para que seja possível instalar cópias de si mesmo. O primeiro vírus para PC nasceu em 1986 e chamava-se Brain, era da classe dos Vírus de Boot, ou seja, danificava o sector de inicialização do disco rígido. A sua forma de propagação era através de uma disquete contaminada. Apesar do Brain ser considerado o primeiro vírus conhecido, o título de primeiro código malicioso pertence ao Elk Cloner, escrito por Rich Skrenta.

(Fonte: pt.wikipedia.org )

Anúncios

Redes e Servidores LinuxO livro Redes e Servidores Linux vendeu nada menos do que 8.000 exemplares entre 2006 e 2007, o que pode ser considerado um grande sucesso dentro do ramo de livros técnicos no Brasil, onde a maioria dos títulos são lançados com tiragens de mil ou dois mil exemplares. Ele é um guia rápido sobre cabeamento de redes e sobre a configuração de servidores Linux, incluindo tanto servidores de rede local, quanto servidores de Internet.
Por ter sido lançado em 2006, muitos dos tópicos do livro podem ser considerados desatualizados (os tópicos sobre a instalação de servidores no Debian, por exemplo, ainda se aplicam ao Debian Sarge, por exemplo), mas você pode encontrar informações mais atualizadas nos livros Redes, Guia Prático e Servidores Linux, Guia Prático, que são seus sucessores.

Descrição do livro:

Configurar redes e servidores Linux continua sendo mais fácil do que parece :). Nesta segunda edição, o livro recebeu uma grande quantidade de atualizações. Novos tópicos passaram a ser abordados e outros foram aprofundados e atualizados, resultando num livro bastante técnico e detalhado, mas ainda assim muito didático e fácil de acompanhar.

Embora este não seja um livro para leigos, os temas são explorados com um nível crescente de dificuldade, começando pelos conceitos mais básicos, como cabeamento e configuração da rede, passando pela configuração de redes wireless, segurança, configuração de placas wireless e modems no Linux, TCP/IP e outros temas, até chegar no assunto principal, que é a configuração de servidores Linux.

Se você é um usuário avançado, os capítulos iniciais permitem que você relembre diversos conceitos e tire suas dúvidas. Se você é um iniciante, eles servem como um bom ponto de partida, permitindo que você acompanhe sem dificuldades o restante do livro.

LEIA ON-LINE AQUI

Autor: Carlos E. Morimoto

Fonte: Guia do Hardware

Students to Business

Publicado: 25/03/2008 por Jojo em Uncategorized
Tags:, , ,
                                MCI petropolis
A Microsoft abriu inscrições para o programa Students to Business que visa dar cursos de infra estrutura e desenvolvimento em TI para alunos de graduação em cursos de tecnologia. O curso é gratuito, feito em parcerias com algumas universidades do Brasil e acontece em 12 estados do país: Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Pará, Paraná, Pernambuco, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Santa Catarina e São Paulo, além do Distrito Federal..
As incrições para a primeira fase vão até dia 4/4 no site do Centro de Inovação .
Tá esperando o que pra se inscrever?

Útil ou Inútil?

Publicado: 17/01/2008 por Jojo em Uncategorized
Tags:, , ,

A Brando lançou uma lente teleobjetiva para telefones celulares. A objetiva, que aproxima opticamente em seis vezes a imagem, é compatível com os modelos MOTO RAZR e KRZR da Motorola.As lentes, que são facilmente adaptadas ao aparelho e têm foco manual, custam apenas US$ 19 no mercado americano, cerca de R$ 33. Fica ridiculo. E eu não vou andar com um troço desses na bolsa! Você vai?

Fonte: Terra

Ótimo 2008

Publicado: 01/01/2008 por Robert Lucas em Uncategorized

Estou aqui hoje, diretamente de Barra do Piraí – RJ para desejar-lhes um ano explendoroso, cheio de realizações e conquistas, com muita paz, amor, dinheiro no bolso e amizade pra “dar com pau”.
Meu ano começou bem, estou aqui em Barra do Piraí com os familiares de um amigo, pessoal muito animado e acolhedor, que até deixam eu atualizar o blog sem me cobrar nada por isto… hehehe Uma cidade bem legal, mas que faz um calor que eu jamais vou esquecer. Tivemos um festejo muito legal aqui ontem, com a familia (já me sinto sendo da família) em peso na zorra. Muito bom.

Este foi o primeiro post de vários deste ano. Espero que estejam acompanhando-nos…

Forte abraço a todos.

Robert Lucas e família.

Oi pessoal.
Demorei mas estou de volta.

Hoje eu vou explicar um pouco da estrutura de diretórios. Para começar veremos todos os diretórios e ao poucos irei explicar o papel de cada um na organização do nosso sistema e a nossa própria é claro.

 

 

Diretórios

 

chamadaEste diretório é onde colocaremos os arquivos que fazem referencia a vários arquivos. Neste temos um arquivo includes.php que contém todos os includes que a nossa aplicação fará, assim centralizamos as chamadas em um único arquivo. No decorrer do tutorial irei comentar sobre este detalhe.

 

 

Controle

Este é um dos diretórios que integra o conceito MVC. Neste caso é o Controle (Controller). Aqui colocaremos todos os arquivos que irá processar e responder a eventos e que poderá invocar alterações no modelo.

Aqui ja podemos ver que existe uma pasta e um arquivo com o mesmo nome da pasta acrescido de um “C”, que indica ser um arquivo de controle. Isso existe porque eu definir um arquivo que faz a leitura destes arquivos e verifica se o arquivo é controle, modelo ou visão. Depois irei explicar mais a respeito disso.

 

 

GeralEste diretório deixa bem óbvio o porque de sua existência. Nele colocaremos todos os arquivos referentes à css, js e imagens

 

 

 

 

ModeloEste é o direito Modelo(Model) que será responsável pelo armazenamento persistente para armazenar dados. Então todos os métodos que fará esta transação de dados estará encapsulados pelo Modelo(Model).

 

 

NucleoAqui fica o coração da nossa aplicação. Estes são os arquivos responsáveis por vários métodos que poderão ser chamado na aplicação a qualquer momento. Os arquivos que ficam dentro das pastas Modelo, Visao e Controle, irá herdar os métodos contidos aqui nestes arquivos.

 

 

Sessoes Aqui será armazenada as sessões criadas pelo sistema.

 

 

TemaEsta pasta é a responsável por manter todos os template utilizados em nossa aplicação. Aqui podemos ter uma variedade de temas criando apenas outros diretórios dentro de tema que contenha as mesmas pastas como as que estao dentro de “padrao”.

Neste caso eu optei por utilizar o Smarty como gerenciador de templates da nossa aplicação o que não impede você de utilizar outro gestor de templates. No decorrer irei explicar onde alterar o gestor de templates.

 

 

Visao Aqui colocamos os métodos que faz a comunicação ou renderização de um modelo para o usuário. Geralmente uma interface de usuário.

Por fim tempos o arquivo index.php que faz o roteamento de modulos e que será explicado mais adiante em um outro post.

Agora já temos um sistema e sua estrutura organizada para poder continuar e falar mais sobre MVC e DAO.

 

 

Por enquanto é isso. Espero que continuem acompanhado os posts…

Um grande abraço a todos e especialmente ao Robert que tem colocado pilha pra eu construir os posts… rsrs.

 

 

A partir de hoje estarei iniciando um tutorial, onde descrevo os conceitos MVC(Model, Controller e View) e DAO(Data Access Object).

Irei dividir em várias etapas. No decorrer do mesmo iremos construir uma aplicação para controle de condomínios verticais. Espero com isso deixar todos um pouco mais inteirados do assunto que atualmente vem se tornando mais usual dentre os programadores de PHP.

O sistema em questão irá abordar diversos cenários do cotidiano de um programador, algumas corriqueiras e outras nem tanto, como geração de gráficos e backups de banco de dados e os demais como: cadastrar usuários, excluir, pesquisar bloquear e por ai vai.

Vou mostrar uma forma de estruturar os arquivos de modo a ficarem mais organizados. Onde faremos um arquivo que irá agir como um roteador de classes o que tem a função de navegar dentre os arquivos e fazer a chamada correta deles.

É isso…

Abraço abraço a todos.