Arquivo de março, 2010

Petrobras instala BrOffice em 90 mil PCs

Publicado: 24/03/2010 por Robert Lucas em empresas, Open Source, Tecnologia

SÃO PAULO – A Petrobras iniciou o processo de instalação do software de código aberto BrOffice em 90 mil computadores.

A estimativa da BrOffice.org é que o processo permita uma redução de pelo menos 40% nos gastos com aquisição de licenças de software proprietário. Segundo a Petrobras, o principal motivo da mudança foi econômico. A empresa também adotará o ODF como padrão interno de documentos. Como navegador, a Petrobras passou a usar o Firefox recentemente.

Cada setor terá a chance de avaliar se o software atende as suas necessidades e decidir se fica ou não com o BrOffice.

O programa de código aberto já é utilizado por outras grandes empresas como Banco do Brasil, Metrô de São Paulo, Itaipu e Serpro.

Fonte: INFO

Maddog lançou recentemente uma série de vídeos divulgando o Projeto Cauã, no qual exerce a presidência.

Este projeto visa, entre outras coisas, promover a inclusão digital, criar empregos, tornar a computação mais fácil, tudo isto de maneira sustentável e ambientalmente correta.

Estes vídeos receberam legendas em português, e maddog enviou-nos esta mensagem:


Olá,

Tenho trabalhado há bastante tempo na criação de alguns vídeos sobre o Projeto Cauã, e finalmente, com a ajuda de Joner Cyrre Worm, os tenho em um canal do YouTube, com legendas em inglês e português.

Você pode vê-los aqui:

http://www.youtube.com/ProjectCaua

e estão em uma sequência:

  1. Introdução ao Projeto Cauã
  2. Projeto Cauã: Mais fácil de usar
  3. Projeto Cauã: Ambientalmente correto
  4. Projeto Cauã: Empregos de Alta Tecnologia no Setor Privado
  5. Projeto Cauã: Inclusão Digital
  6. Projeto Cauã: De Desempregados a Contribuintes

Existe um sétimo vídeo que está aguardando a tradução das legendas para o português, mas talvez apreciará assisti-lo:

Aprecie estes vídeos!

maddog

Fonte: Dicas-L

Linux se consolida como plataforma ideal para produção de filmes

O Linux atualmente é o Sistema Operacional mais utilizado pelas grandes companhias de cinema para trabalhar com animação e efeitos visuais em seus filmes com mais de 95% dos seus servidores e postos de trabalho usando esse sistema.

Praticamente todos os grandes filmes realizados a partir de 2002 usaram Linux na sua criação. A Disney/Pixar, DreamWorks Animation, Sony, ILM e muitas outras adotaram este sistema tanto para os seus servidores como também para as estações de trabalho, essencialmente devido ao fato de ser um sistema mais rápido, mais barato e que oferece maiores possibilidades a quem sabe tirar partido dele.

Outro aspecto muito importante nesta escolha de Sistemas Linux por parte das grandes companhias foi o fato do elevado custo associado à aquisição de licenças de outros Sistemas Operacionais para todos os seus postos de trabalho.

Nas grandes companhias praticamente todas as máquinas utilizam Linux, ao passo que nas companhias mais pequenas frequentemente se vêm combinações de Macintosh ou Windows nos postos de trabalho e Linux nos servidores.

Quando assistirem ao Titanic, Senhor dos Anéis, Harry Potter ou Guerra das Estrelas, inclusive o Avatar fiquem sabendo que foi utilizado essencialmente software a correr em Linux para a sua criação.

Acessando o site Linux Movies você terá detalhes sobre softwares usados com Linux em filmes, dicas, curiosidades e muito mais.

Se o Linux é bom para o Cinema porque não seria ótimo também pra sua Empresa?

Fonte e texto: Linux Solutions